Novidades?
Home / Blog / Enfermagem / CUIDADOS DE ENFERMAGEM AO PACIENTE COM INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO

- CUIDADOS DE ENFERMAGEM AO PACIENTE COM INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO

CUIDADOS DE ENFERMAGEM AO PACIENTE COM INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO

As doenças crônicas são consideradas atualmente como um problema de saúde pública mundialmente, uma vez que são mantidas como as causas mais relevantes de morte. Em decorrência do aumento da longevidade, houve também a elevação da incidência dessas patologias, principalmente das doenças cardiovasculares. Estima-se que as mesmas irão aumentar de 17 milhões, em 2008, para 25 milhões em 2030 (GARCIA et al, 2013).

No Brasil, as doenças cardiovasculares ocupam o primeiro lugar entre as causas de morte e quase um terço do total de mortes. Em 2009, foram registradas 91.970 hospitalizações no Sistema Único de Saúde (SUS) devido a doença cardiovascular, demonstrando em um custo de R$ 165,461,644.33 (PAULA et al, 2013).

Em pacientes com doenças cardiovasculares, a morte súbita ocorre de 4 a 6 vezes mais naqueles que já enfrentaram incidentes de Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), considerando que em um período posterior de 6 anos, cerca de 18% dos homens e 35% das mulheres poderão ter um novo episódio (SCHERR et al, 2010).

Estudos recentes têm demonstrado que inúmeros fatores de risco cardiovasculares estão associados ao aumento do risco de ocorrência do IAM, como um maior índice de massa corporal (IMC), a concentração de aumento do colesterol sérico e aumento da pressão arterial (PA), estando fortemente correlacionados com a diminuição da morbidade e mortalidade (PAULA et al, 2013).
Estudos tem demonstrado que o enfermeiro dispõe de ferramentas tecnológicas que contribuem com as corretas intervenções terapêuticas no cuidado ao paciente com Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), a fim de proporcionar uma assistência clínica eficaz, atendendo as necessidades do paciente acometidas por esses eventos. O objetivo geral deste estudo é realizar uma revisão bibliográfica sobre os cuidados de enfermagem em pacientes com IAM. Dentre os objetivos específicos estão: compreender a fisiopatologia e quadro clínico do IAM; Identificar seus principais fatores de risco; Ressaltar a importância de um diagnóstico precoce e tratamento eficaz para os pacientes. Para a coleta de dados, foram utilizados artigos científicos da base de dados Scielo e na Revista de Enfermagem da Escola Anna Nery, que abordam o assunto, proporcionando o conhecimento aprofundado necessário para a conclusão deste estudo. As principais ações praticadas estão fornecimento de O2, monitoramento da frequência cardíaca, pressão arterial, administração de medicamentos e orientação psicológica. Com isso, afirma-se a necessidade de fortalecer uma perspectiva mais participativa, oferecendo novos sentidos às propostas de humanização do trabalho em enfermagem.

PREVENÇÃO



A área de enfermagem se mantém direcionada para o cuidado de toda a população, sendo que o enfermeiro é o profissional responsável por oferecer a assistência necessária nos ambientes hospitalares ou em outras instituições que precisem de profissionais que proporcionem o cuidado para indivíduos necessitados. No ambiente hospitalar, comportamentos que envolvem o diálogo, a paciência, o comprometimento, a responsabilidade profissional, a troca de experiências e o cuidado solidário são fatores fundamentais para permear o trabalho em enfermagem humanitário, garantindo o cumprimento das funções profissionais. Voltado para o atendimento dos pacientes com IAM, o enfermeiro dispõe de ferramentas tecnológicas que contribuem com as corretas intervenções terapêuticas, a fim de proporcionar uma assistência clínica eficaz, atendendo as necessidades do paciente acometidas por esses eventos.

Outros Assuntos
DIREITO DE ALIMENTOS NO NOVO CODIGO CIVIL
185

Direito - DIREITO DE ALIMENTOS NO NOVO CODIGO CIVIL

Direito - Os alimentos existem por princípio legal de solidariedade, em razão do parentesco direto entre alimentante e alimentário.

ACIDENTES DE TRABALHO ENVOLVENDO A EQUIPE DE ENFERMAGEM
187

Enfermagem - ACIDENTES DE TRABALHO ENVOLVENDO A EQUIPE DE ENFERMAGEM

Enfermagem - A evolução tecnológica tem aprimorado as relações do homem com as características do trabalho em diversos segmentos produtivos

A IMPORTÂNCIA DO USO DOS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL PELA EQUIPE DE ENFERMAGEM PARA A PREVENÇÃO DE INFECÇÃO HOSPITALAR
296004

Enfermagem - A IMPORTÂNCIA DO USO DOS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL PELA EQUIPE DE ENFERMAGEM PARA A PREVENÇÃO DE INFECÇÃO HOSPITALAR

Enfermagem - Entre os riscos ocupacionais de Enfermagem se encontram os acidentes de trabalho, a contaminação do ambiente, a contaminação por contato direto, além de riscos causados por fatores químicos, físicos, biológicos, e ergonômicos

A DEFICIÊNCIA AUDITIVA E O DIREITO DE ACESSIBILIDADE
349

Direito - A DEFICIÊNCIA AUDITIVA E O DIREITO DE ACESSIBILIDADE

Direito - Constituição prevê às pessoas com deficiência auditiva, assim como às demais pessoas com deficiência, direitos fundamentais e a garantia da saúde, do bem estar, da integração social.